domingo, 29 de janeiro de 2017

Telepatia v2

Fumo um cigarro e controlo o tempo,
Dou-lhe uma passa e compro o momento,
Bebo um café e tudo é perfeito,
Sou muito feliz assim deste jeito.

Escrevo um poema e peço um cinzeiro,
Sinto-me mais hábil que um relojoeiro,
Compro mais um maço e tusso o catarro,
Pode faltar tudo menos um cigarro. 

O doutor observa a radiografia, 
Ouço más notícias na telefonia,
Finjo que não ouço, mas não tenho sorte,
Ou me zango agora ou persigo a morte.

Sinto ambivalência nos meus sentimentos,
Amo o meu corpo e os bons momentos,
Sofro com a perda, rasgo toda a calma,
Salvo o minha vida, mas perco a minha alma!

sábado, 28 de janeiro de 2017

Não percebo...

Todos os comentadores/políticos que tenho ouvido se abespinham com a eleição do Trump. Até o nosso primeiro ministro alinhou na fanfarronice dos comentadores do Governo Sombra contra o senhor, coisa que considero de mau gosto porque temos assuntos pendentes para resolver com ele/EUA, nomeadamente as Lajes. Ok, o gajo parece mau, até agora mais pelo que disse do que pelo que fez... Mas andamos há quarenta anos a ser governados por ladrões e corruptos e não vejo tanta indignação. Vendemos quase tudo à maior ditadura do mundo e não vejo tanta indignação. Temos cidadãos portugueses presos em Angola e não vejo tanta indignação. Participamos na palhaçada da Guiné Equatorial ter assento nos PALOP e, adivinhem, não vejo tanta indignação. Tenham vergonha...

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Lavar o coração

Que imagem tão bonita retirada da música "Se me deixasses ser" de Tiago Bettencourt.
Já agora o vídeo também está muito bom.


quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Riso

"O riso é uma emoção que surge da súbita transformação de uma expectativa em coisa nenhuma."

Kant

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Tá bom assim...

Ouvi, há uns dias, alguém dizer (RAP) num programa de televisão que os desejos para 2017 se resumiam a apenas um e esse era bastante simples: "a continuação do mundo". 
Parece um desejo tímido, descabido, descontextualizado e inútil mas, se pararmos para reflectir um pouco, chegaremos a outra conclusão. 
Alguém dizia que nunca devemos dar por garantida a liberdade. Podemos dizer o mesmo do mundo, dar por garantido o mundo?
Com a eleição do Trump, com o Putin mais poderoso do que nunca, com o gordo da Coreia do Norte a testar todos os dias bombas e mísseis é assim tão descabido e descontextualizado desejar que o mundo continue como está? 
Eu sei que é extremamente egoísta desejar isto até porque em diversos pontos do globo existem guerras e fome e mortes e genocídios e naufrágios e miséria. Mas não era a esse estado de coisas que o desejo se referia. Por incrível que pareça, o desejo apenas se referia à continuação do mundo físico: do planeta, do mar e da terra, dos animais, das marés, das estações, dos anos e dias. 
Para mim, para nós portugueses, com todas as dificuldades que temos, penso que o melhor mesmo era continuar assim, como está. No fundo, "tá bom assim". 

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Hora da sesta!

Fim

Já não consigo rimar, estou cansado,
Já não consigo mudar, estou mudado.
Engoli toda a dor que cingi no caminho,
Lamento mas sinto-me um pouco sozinho.

Já não consigo escrever, estou atado,
Já não consigo ser eu, estava errado.
Procuro no amor e em ti o tempero,
Do meu bloqueio e do meu desespero.

Já não consigo sentir, fui sentindo,
Já não consigo dormir, só mentindo.
A noite é capaz de esconder o destino,
Sou mais violado que a corda de um violino.

Já não consigo compor, já compus,
Na alma, no corpo, no escuro e na luz.
Com esforço ainda vislumbro a razão,
Ainda estou vivo às expensas do meu coração.

sábado, 14 de janeiro de 2017

Por isso é tão importante perceber/ver o prazo de validade dos produtos

Um certo "estoumecagandismo" não explica tudo.

No século XXI, o dr. Soares limitou-se a passear devoção por ditadores e figuras particularmente sinistras, a sujeitar-se a enxovalhos eleitorais, a participar em encontros de alucinados contra a troika e um governo eleito, a visitar certos presidiários de Évora, a abominar o "neoliberalismo" e de facto os regimes ocidentais. Transformado num anacronismo "revolucionário", o dr. Soares deixou de ser contraditório e, em suma, interessante. Passou os últimos anos a parecer negar-se a si mesmo. A História dirá se negou o suficiente. Ou se negou de todo.


Alberto Gonçalves, Revista Sábado

Treinador

"Treina a dor..."

Abel Xavier

Embora rebuscado, faz sentido. O que dizer mais desta tirada genial?  :)

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

E uma sopinha de nabos?

Onde é que eu ja ouvi isto?

"Aos 10 anos, (Mário Soares) fez o exame da quarta classe em Leiria, quando estudava nas Caldas da Rainha ao cuidado de uma família amiga e reprovou. Mas já então teve sorte: as notas tinham sido tão mas por todo o País, que os critérios nacionais foram revistos e acabou por ser admitido no Liceu."

Revista Sábado

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Luz

Estou cansado mas não cedo,
Estou em baixo mas estou ledo.
Tenho a luz no meu caminho,
Somos três não estou sozinho. 

Cada pedra é mais um passo, 

Estou de pé no teu regaço.
Compro a fé na escuridão,
Lado a lado, mão na mão. 

Cada gesto é um sorriso,
Cada olhar um paraíso. 
Já te levo bagagem,
Somos três nesta viagem.

Quero mais um viajante, 

Quatro é bem mais interessante,
que traga luz ao meu breu: 
Mais uma estrela no meu céu!

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Os psicólogos existem...

e todos nós, como os carros, devíamos fazer uma revisão.

Propósito para o novo ano!

Uma pessoa que faz algo interessante...

pode não ser interessante.

Como ser...

As 10 maiores pesquisas em portugal no motor de busca Google em 2016  tendo como preâmbulo a expressão: "Como ser..."

10 - Como ser romântica?
9 - Como ser feliz numa relação?
8 - Como ser um Blogger?
7 - Como ser um bom namorado?
6 - Como ser DJ?
5 - Como ser um líder em poucos dias?
4 - Como ser boa amiga?
3 - Como ser bom aluno aluno no secundário?
2 - Como ser mais confiante?
1 - Como ser motorista Uber em Portugal?

É impressão minha ou o sexo feminino não sai muito valorizado?

Marselfie

Um dos conceitos(neologismos) mais interessantes do ano 2016. 

Pergunta para o ano 2017: Será que a postura demasiado descontraída de Marcelo poderá banalizar a função?

Dor

Cantei a saudade porque era a verdade.
Trilhei o caminho porque estava sozinho.
Vivi a dor, perdi o amor,
desci ao inferno: eterno.
Comi o pão duro, de cor cinza escuro,
Olhei o passado, fui abençoado,
Fui Diabo e fui Deus entre os meus,
Subi a escada, fui tudo e fui nada. 
Cuspi no abismo, fiz um silogismo, 
Dei um passo em frente, fui só entre a gente.
Rasguei todo o medo, fui triste e fui ledo.
Matei os meus réus, subi aos teus céus.

Tem de ser pêlo com pêlo...

...nada de plástico.

Quando o teu chefe te acordar, abres os olhos e dizes...

E livrai-nos do mal, Amém!

segunda-feira, 2 de janeiro de 2017